Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Caraguatatuba, São Paulo, Brazil
Deixar registrado aqui essa fase da minha vida. Difícil, talvez a pior, mas como tal já passou. Conheço meu inimigo, portanto nunca subestimo o Câncer. Esse mal é traiçoeiro, e como!!! Não valorizo a sua passagem muito menos o seu fantasma. Não deixo de viver um dia sequer, grata a Deus que me concebe, feliz por ser a mulher forte que sou. Ando com Fé, e bola pra frente. A vida não para e eu também não.

Translate

Total de visualizações de página

5 de setembro de 2010

Linfedema

O Que é Linfedema?
O Linfedema é um inchaço de uma parte do corpo, mais comum nas extremidades (braço ou perna), devido a uma acumulação do fluido linfático no tecido intersticial


As artérias transportam o sangue para nutrir as células e os tecidos . Após a troca de nutrientes, o sangue pobre em oxigênio retorna pelas veias. Líquidos e substâncias que as veias não retiram dos tecidos formam a Linfa composta por água, proteínas, gorduras e germes. Então as substâncias são levadas pelos vasos linfáticos aos gânglios, onderealiza a filtração e limpeza, daí são devolvidas à circulação novamente. No entanto, nem sempre essa "limpeza" funciona de forma tão eficiente, ocorrendo uma sobrecarga do sistema linfático que não consegue retirar essas substâncias de certas partes do corpo, propiciando o aparecimento do linfedema.( edema dos vasos linfáticos)
Características do linfedema.
Pode acometer os membros superiores ou inferiores que apresentam:
- Inchaço (edema) na área afetada.
- Aumento de Volume
- Aumento de Peso
- Perda parcial da funcionalidade.
- Alteração de estética.
Quando um Linfedema não é tratado rapidamente, torna-se numa doença crônica causando: uma sensação de peso, desconforto, perda de mobilidade, deformações estéticos e em casos extremos desenvolvimento de situações malignas.

Linfedema Pós- Infecção


São decorrentes da destruição do vaso linfático, pelo processo infeccioso da pele e do tecido celular subcutâneo, as tão freqüentes ERISIPELAS.
A Erisipela

A inflamação dos vasos linfáticos é chamada de linfagite e se for causada por bactérias (streptococo) é denominada de erisipela, e apresenta as seguintes características:
-Edema (inchaço)
-Febre elevada (39° C)
-Náuseas e vômitos
-Mal estar em geral
-Dor e vermelhidão na parte atingida
É indispensável o tratamento com o médico vascular, já que um único episódio de linfagite e/ou erisipela pode determinar o linfedema, e cada novo surto favorece a instalação do linfedema pós-infeccioso.
O nosso objetivo é disponibilizar informações sobre o tratamento que possa melhorar a qualidade de vida das pessoas que sofrem de uma doença para a qual não existe cura: o Linfedema .
Informamos os pacientes de uma forma personalizada e de forma específica para cada caso. Hoje em dia fala-se muito na prevenção do câncer da mama, mas pouco se fala do tratamento post-cirúrgico. Cerca de 20% das mulheres que sobreviveram a um câncer da mama desenvolveram Linfedema .

O Linfedema de Braço
O tratamento normal para o câncer da mama é a remoção parcial ou total do peito com a extirpação parcial ou total dos gânglios axilares.
O risco de desenvolver Linfedema depois da cirurgia do câncer da mama depende do número de gânglios removidos, da quantidade de radiação recebida e na capacidade que as funcionalidades restantes ainda tiverem, para compensar a perda. Muitas vezes o Linfedema não aparece senão após alguns anos depois do câncer.

25 % - 50% dos pacientes desenvolvem " Linfedema Secundário do Braço .
A remoção dos gânglios axilares provoca a destruição dos vasos linfáticos superficiais e profundos do braço e do quadrante desse mesmo lado. Isto resulta numa predisposição para a formação de um Linfedema nesse lado. Embora o Linfedema não ameace a vida do paciente é sem dúvida a causa de desconforto físico e mental e até em alguns casos impeditivo.
Se não for tratado rapidamente o Linfedema tornar-se-á pior com o tempo. Haverá lugar a um endurecimento dos tecidos com a formação de fibrose e esclerose. Um Linfedema do braço que se mantenha sem tratamento pode degenerar em câncer (angiosarcoma). Com uma aprendizagem e cuidados apropriados o Linfedema pode ser prevenido ou no caso de se desenvolver poder ser mantido sob controle.
Nestas situações a Drenagem Linfática Manual é altamente eficaz na redução da dor e no alivio do Linfedema, atuando sobre:

-Gânglios Linfáticos cervicais (Terminus).
-Cicatriz ou incisão.
-Braço afetado e terapia do movimento do ombro.
-Área da pele afetada pela radiação.

Como Previnir o Linfedema após Cirurgia da Mama?

Seus gânglios axilares foram retirados durante a cirurgia da mama, o que significa que você perderá a proteção natural do seu braço. A partir daí você deve, tomar cuidados especiais, porém lembre-se de que essas recomendações não impedem que você assuma suas atividades diárias evitando excessos e esforço. Ao contrário, continue vivendo como antes da cirurgia. Certamente nada impedirá de viver plenamente. Lembre-se somente que você deve evitar a infecção da mão e do braço do lado da cirurgia.
1-Evitar dormir sobre o braço do lado operado, para não comprometer a circulação sangüínea do mesmo.
2-Não medir a pressão arterial, retirar sangue, tomar injeção ou vacinas no braço do lado operado. (tanto na veia como no músculo)
3-Evitar deixar o braço do lado operado caído ao longo do corpo Sempre que puder apoiar o braço numa almofada. Toque piano, como se estivesse tocando piano no colchão. Ajuda os nervos e músculos a se recuperarem do trauma da cirurgia.
4- Procurar usar tecidos de algodão durante o processo de cicatrização e de aplicações de radioterapia evitando o uso de tecidos sintéticos (por exemplo, o nylon). Evitar usar vestimentas apertadas na região do tronco e ou no braço do lado operado.
5-Usar esse braço para sua higiene pessoal, tal como: escovar os dentes, pentear os cabelos, lavar a cabeça, enxugar o corpo, etc. Movimente-o o mais que puder sem forçá-lo.
6-Realizar exercícios conforme recomendação e orientação da pessoa responsável pela fisioterapia. É muito importante, para a sua recuperação, que os mesmos sejam feitos regularmente conforme a recomendação. Evitar recursos fisioterapêuticos no braço do lado operado, que emitem calor profundo ou superficial, bem como água quente por tempo prolongado.
7-Não devem ser cortadas as cutículas; usar creme removedor para tal. Lixar as unhas mantendo-as sempre limpas e curtas, evite as baterias. Usar creme para hidratação da mão e braço , de preferência à base de lanolina com PH neutro, para evitar ressecamento da pele acarretando risco de lesões.
8-Proteger o braço e mão por meio de luva ou outro meio disponível para manusear terra e contra ferimentos causados por queimaduras, alfinetes, agulhas, tesouras, utensílios de cozinha, palhas de aço, espinhos, etc.
9-Proteger o braço e mão contra picadas de insetos com produtos repelentes. Peça ao seu médico do repelente mais adequado.
10-Cuidados especiais com os riscos de fraturas, entorses ou contusões.
11-Usar luvas de proteção quando manipular produtos químicos, arear panelas com palhas de aço ou outro produto abrasivo, lavar louças, roupas, etc.
12-Não empurrar móveis pesados. Não carregar objetos pesados tais como sacolas, baldes cheias com água, bolsa, levantar crianças, etc. Com o braço operado.Quando necessária peça ajuda.
13-Evitar usar relógio, pulseiras, anéis ou outros objetos no braço do lado operado.
14-Usar desodorante líquido, neutro e sem álcool ou bicarbonato de sódio diluído em água na axila do lado operado. Não raspar e não usar cremes, líquidos ou ceras depilatórias na axila do lado operado. Quando necessário, utilizar com cuidado tesoura ou barbeador elétrico para remoção dos pelos.
15-Evitar o sol em excesso no braço do lado operado para que o mesmo não sofra queimaduras ou inche. Proteger sempre com bloqueador solar com alto fator de proteção, adequado ao seu tipo de pele. Peça ao seu médico a indicação.
16- Caso surgir no braço do lado operado, inflamação, inchaço vermelhidão ou dor, procure sempre o seu médico imediatamente.
17- Se viajar de avião deve usar uma manga elástica durante a viagem
18- Tente manter um peso ideal e beba muita água.

Pressoterapia ou Drenagem Manual




Até a alguns anos atrás, as terapias para o tratamento dos Linfedemas eram muito limitadas. Posteriormente novas técnicas surgiram numa tentativa de automatizar o tratamento. A Pressoterapia é uma dessas técnicas e baseia-se na utilização de bombas pneumáticas.

O problema fundamental das bombas pneumáticas é que não permitem a preparação (evacuação e estimulação) dos quadrantes do lado a que pertence o membro edematoso e do quadrante adjacente a esse de modo a que este seja capaz de receber o excesso de fluido descarregado do membro afetado. As bombas "amassam" o membro afetado e meramente re-localizam a área do Linfedema.
A utilização desta técnica pode produzir efeitos contrários se houver uma inadequada regulação da pressão da bomba podendo provocar a interrupção da circulação dos vasos linfáticos já debilitados, num sistema linfático afetado.
Por exemplo, é frequente o aumento do inchaço de uma mão para o dobro do seu tamanho normal, como resultado da excessiva pressão no braço, particularmente nos pacientes com excesso de tratamentos pelo sistema de bombas.

Exercícios de Recuperação Pós Cirurgia de Mastectomia

Recomendados com muito cuidado, sem exagerar e sem sentir dores, deve-se começar a fazer 3 de cada até chegar gradativamente a fazer 50 exercícios diários de cada um mas... sempre sem sentir dores e com todo cuidado possível e se houver condições de ser acompanhados por um fisioterapeuta com certeza será muito melhor caso contrário façam com cuidado qualquer alteração procure o seu médico .
Comece com três e lentamente vá aumentando, depois do 3º ou 4º DIA aumente para 5 vezes e assim até chegar aos 50 exercícios por dia. Tudo com muita calma e sem dor. Qualquer alteração procure imediatamente se médico.
1º-Formiguinha: Este movimento pode ser feito logo após a cirurgia com os dedos caminhando pelo lençol na cama do hospital, exatamente como uma formiga, ela tem passos curtos e lentos, nada de pressa, tudo tem seu tempo. Sua recuperação depende somente de você.
Quando você estiver em casa, caminhe como uma formiga (com seus dedos), mas agora na parede suba com seus dedos lentamente, até onde você não sentir dor, se doer, pare e volte ao ponto, de partida, nunca exagere. Esse vai e vem muito lhe ajudará.
2º-Pêndulo: Fazemos esse exercício com uma corda um pano.
Numa porta você pede para alguém, pendurar a corda ou o pano e você segura com as mãos nas pontas e com o braço que não foi operado, vai puxar a corda ou o pano para baixo e depois com o braço operado, tentar puxar lentamente, até que você consiga fazê-lo normalmente como um engraxate lustrando um sapato vai e vem.
3º-Passarinho: Imagine-se um passarinho, e comece a bater os braços lentamente tentando fazê-lo subir.
Seus braços lentamente vão subindo a cada dia um pouco mais e você observará que o seu desempenho vai melhorando dia a dia.
4º-Sutiã: Esse exercício é muito simples você deverá simular que está abotoando o seu sutiã.
Faça-o várias vezes ao dia até que, o faça com conforto sem sacrifício;
5º-Oferecer: Levantar as mãos para frente, (ela estando junto do corpo até o alto na frente)
A palavra já diz oferecer, sim ofereça algo a alguém, como se você estivesse com uma bandeja nas mãos para oferecer um copo de água para alguém, Sempre sem sacrifício vá até onde der.
6º-Pegar a alça: Vejam tão simples, mas tão importante: com a mão do lado operado você deve pegar a alça do soutiens do lado que não foi operado, assim cruzando o seu braço sobre os seios, assista televisão sempre que puder nessa posição, com isso você se exercita e descansa o seu braço até o dia que conseguir colocar o braço sobre a cabeça, tenho certeza que sentirá alivio e um conforto muito grande. Com isso você está fazendo exercício sem perceber.
7º-Cruz: Abra seus braços como uma cruz, várias vezes. Estique-o até onde puder sem que sinta dor.
8º-Pegar na orelha: Com o braço do lado operado tente pegar a orelha do outro lado, claro que não vai conseguir nas primeiras tentativas, mas... Com todos os exercícios que você está fazendo diariamente e com a perseverança que eu tenho certeza que você vai ter, pois quer a sua cura, conseguirá rapidinho. Nunca force o seu desempenho, Faça apenas o que lhe der prazer, pense que os exercícios a ajudaram na recuperação.
9º-Vassoura: Esse exercício todas sabe fazer e muito bem. Pegue uma vassoura e lentamente tente varrer sua casa, fácil, mas deve ser feito bem devagar sem nenhum esforço.
10º-Rotação: Claro que este é mais difícil, mas comece a fazer sua mão rodar, pegue uma bolinha e gire-a na sua mão, devagar comece a girar o pulso, com o tempo gire o cotovelo, depois é só girar o braço. Lembrando que nunca deve sentir dor ou forçar, mas deve tentar para chegar ao ideal, com perseverança tudo vai rapidinho.
11º-Alcançar o teto: Essa é uma brincadeira de criança. Levante seu braço devagar, cada dia um pouco fazendo de conta que quer pegar o teto imaginário. Faça esse exercício sempre que se lembrar e verá como rapidinho conseguirá seu desejo. A RECUPERAÇÃO.
Sempre muito cuidado ao realizar os exercícios para que sejam corretamente executados e não provoquem dores posteriores. Muita atenção : em caso de qualquer alteração, inchaço ou vermelhidão, procure imediatamente o médico.Como as bombas não são eficazes em vencer a fibrose (proliferação do tecido conjuntivo que resulta no endurecimento do membro edematoso), tendem a irritar a pele como resultado da ação de bombagem a qual aumenta por sua vez o risco de celulite e linfagite.
Nenhum aparelho, por mais sofisticado que seja, pode substituir a mente e as mãos treinadas de um terapeuta de Drenagem Linfática Manual, no tratamento de um Linfedema . O terapeuta, estudou a fisiologia do sistema linfático e a fisiologia patológica que é única em cada paciente. Determina o melhor processo de reencaminhar o fluido estagnado através dos vasos linfáticos que, ainda estão Pode fazer desporto e deve para manter uma boa forma física, mas controle o tempo o esforço e os pesos, tudo o que é excessivo é mau, e como qualquer pessoa não se esqueça do protector solar. Em ambientes de muito calor, refresque o braço com água fria, no Inverno evite as lareiras e aquecedores.
O retorno às actividades diárias são fundamentais, motiva, estimula e é anti-depressivo. Quem sabe de si é você, conheça-se para saber o que a prejudica ou não. Quando viajar de avião, mais uma vez, não se esqueça da manga elástica, porque as diferenças de pressão podem causar linfedema.
Sempre que notar qualquer diferença, mesmo pequena ou alteração, fale ao seu Médico ou fisioterapeuta, não espere pela próxima consulta.intactos no membro edematoso.
Fonte Unaccam.org
 
Estudo publicado na revista “The New England Journal of Medicine” mostra que musculação não é mais tabu para quem ficou com linfedema após tratar um câncer de mama. O linfedema é um inchaço do membro superior no lado que foi operado. Trata-se de um efeito colateral bastante comum desse tipo de tratamento.

A causa é a dificuldade de circulação da linfa, líquido que circula entre os linfonodos. A cirurgia de remoção do tumor de mama algumas vezes envolve a retirada desses linfonodos para detecção e prevenção de metástases.
O inchaço piora se a mulher carrega peso ou faz algum esforço maior com aquele braço. O linfedema traz desconforto e dor, daí as mulheres que passaram pelo tratamento evitarem utilizar o braço nas atividades do dia a dia.
Por tudo isso, a musculação sempre foi evitada pelas pacientes no pós-tratamento. Mas a atividade física traz benefícios físicos e psíquicos comprovados na recuperação dessas mulheres. A boa notícia é que a pesquisa mostra que a musculação também pode fazer parte da rotina dessas mulheres.
Foram mais de 140 mulheres que haviam sido submetidas ao tratamento para câncer de mama. Metade fez um ano de academia e entrou em um programa de treinamento com musculação dirigida por professores orientados para o problema.
O programa envolvia duas sessões de treinamento por semana com musculação para todo o corpo, exercícios cardiovasculares e alongamento. O único cuidado especial com as participantes era a utilização de uma malha compressiva feita sob medida para evitar o inchaço.
A circunferência dos braços era medida a cada sessão de treinos. Após um ano de exercícios, as participantes do grupo da academia tinham 5% menos problemas com inchaço e linfedema.
Os pesquisadores apontam para a necessidade de que os professores de educação física estejam preparados para atender as mulheres que precisaram se submeter ao tratamento para câncer.
Fonte.: g1.globo.com

9 comentários:

ClaudiaV disse...

wow tanto cuidado. Obrigada por colocar isto, é mto importante!

Eu Venci o Câncer de Mama disse...

OI Florzinha, Esta tudo bem?

Não me deu mais notícias, estou morrendo de saudades de você.
Beijo enorme
Virna Soledade

Jorge Ramiro disse...


Post muito útil! Eu recentemente tive uma operação ea recuperação é mais difícil do que uma pessoa geralmente pensa. Fiz uma cirurgia da mao, porque ele tinha um problemas de tendões. A recuperação durou muito tempo.

Anônimo disse...

Muito obrigada por postar esse texto Vc me ajudou muito.

Marina Silva disse...

Boa tarde eu fiz mastectomia na mama direita só que hj fui tomar a vacina de gripe e me esqueci do braço que foi mastectomizado e deixei a enfermeira aplicar a injeção. Quais os riscos que eu corro em questão desse procedimento é o que devo fazer? Me ajudem pós eu estou com muito medo de acontecer o pior. Obrigada.

Bia ,Sonia SGBA disse...

Boa tarde
Estou tentando fazer a cirurgia de reconstrução da mama,mas a cada consulta o medico me diz coisas que com isso esta sempre adiando. Uma hora estou gorda, mandou emagrecer, fiz, outra a medica sai de licença, mw mandaram para outro com todos exame feito,pois iam usar da minha barriga, agora não vai mais, vai tirar das costa,e a última consulta quw fiz, me disse que o meu problema de linfedema vái ser arriscado.
Faço tratamento pelo sus, poi não tenho condições de pagar,no momento nem oa remédio para tomar.
Gostaria de saber se alguém já fez ou conhece, pessoas que fez cirurgia com o problema de linfedema cronico.
As vezes acho que os médicos que passei,estão me descriminado, com issso estou muito chateada.
Sera que procede este tipo de pensamento, ou alguém poderia me dar um luz.
Obrigada.

Cancer de Mama Mulher de Peito disse...

Bia Sônia querida.
Fiz a reconstrução, e todo o tratamento pelo Sistema, moro no litoral de SP, e não tive problemas, o que foi uma benção, saindo de SP, as coisas complicam.
Quanto a emagrecer para operar, não é um pré requisito, mas a melhora na recuperação pós cirúrgica é bem melhor, foi pedido sim. Agora é necessário vc ouvir outros médicos, tente ver isso na sua cidade, geralmente nas associações de Câncer, eles nos orientam até juridicamente.
Mas em tudo, tenha em mente que estar livre desse mal é o mais importante, é isso já é uma benção.
Fique com Deus.

Bia ,Sonia SGBA disse...

Bom dia
Graças a Deus que você esta bem, e obrigada.
No meu caso eu tive muitos problemas, na epoca sofrir preconceito por ser do sus, foi dificil mas com muito choro escondido conseguir encontrar pessoas boa, e dar continuidade no tratamento, pensei em desistir da vida também,mas a familia foi o meu maior porto seguro.
E que faz dois anos que estou nesta ida e volta com os medico, meu marido ate me disse se ele tivesse dinheiro seria mais facil, para mim, mas passamos por muitos aperto , mas como voce me disse vou procurar outros medico para me dar uma clareza sobre o que o ultimo me disse, pois me pediu para voltar daqui um ano com ele, a mesmo coisa que me disse o ano passado.
Obrigada, bjos

Unknown disse...

Boa tarde, mim chamo Janaína e tenho 33 anos, a mais ou menos dois anos descobrir um câncer de mama, então desde de maio de 2016 estou em tratamento e graças a Deus estou bem, tenho dificuldades com movimentos no braço, pois esvazie por completo e tem dois dias que o INSS mim liberou pra eu voltar ao trabalho, mas eu trabalho servindo pessoas e aí fica mais complicado. O que faço????

Postagens populares

Arquivo do blog

LEIA KARDEC

LEIA KARDEC

PARE UM POUCO E CONHEÇA ESSAS CRIANÇAS E ESSE TRABALHO, E TRANSFORME SUA VIDA E A VIDA DELAS TB..

PARE UM POUCO E CONHEÇA ESSAS CRIANÇAS E ESSE TRABALHO,  E TRANSFORME SUA VIDA  E A VIDA DELAS TB..
http://oquevivipelomundo.blogspot.com.br/

NÃO TENHA DÓ TENHA ATITUDE

NÃO TENHA DÓ TENHA ATITUDE
UM ANIMAL PRINCIPALMENTE DE RUA, SENTE FRIO, FOME, MEDO, SOLIDÃO, DOR. IGUAL A VOCE. PENSE NISSO... NÃO COMPRE UM ANIMAL ADOTE UM CÃO ABANDONADO, ELE LHE SERÁ ETERNAMENTE GRATO.

Minha lista de blogs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

DOE SANGUE

ASSOCIAÇÃO VIVA MELHOR APOIO A MULHERES MASTECTOMIZADAS

EXPOSIÇÃO EU PEITO